Cibele Verasto, responsável pela atividade em Facilities da JLL na Diageo | Foto: Hernani Rocha

Cibele Verasto, responsável pela atividade em Facilities da JLL na Diageo | Foto: Hernani Rocha

Líder mundial na produção de bebidas premium – com destaque para Johnnie Walker, Smirnoff e Baileys –, a Diageo está presente em mais de 180 países, dedicando-se não apenas à geração de novos negócios, mas também ao desenvolvimento de ações de conscientização social e ambiental. Em relação ao primeiro item, a empresa conta com apoio de uma importante ferramenta online – a DrinkiQ –, que oferece ao público informações sobre o consumo responsável do álcool. A sustentabilidade, por sua vez, serve de apoio para diversas iniciativas corporativas, o que inclui desde o manuseio de produtos até o controle da água e energia utilizadas.

Com o objetivo de registrar um comprometimento cada vez maior de seus profissionais com a preservação ambiental, a empresa promove o programa GreeniQ. Esse engajamento é estimulado com a implantação de ideias sustentáveis nas várias unidades mundiais da Diageo, sendo as melhores premiadas com medalhas e disseminadas globalmente. Em 2013, os projetos criados pela subsidiária da América Latina – que corresponde ao Brasil, Uruguai e Paraguai – foi o grande destaque.

Para conquistar esse reconhecimento, a filial contou com o apoio e a parceria da JLL na coordenação das ações.

O GreeniQ é voltado para o público interno da empresa. Para ser premiado, o time inscrito deve seguir pré-requisitos, como ser composto por, no mínimo, cinco pessoas, realizar reuniões mensais, promover campanhas, além  de gerar resultados positivos em uma das quatro categorias: Water, Carbon, Waste e Ways of Working. Acumulamos durante um mês os papéis deixados ao lado das impressoras. Os funcionários foram convidados a adivinhar quantos papéis tinham na pilha e quem acertasse ganharia um prêmio. Todos ficaram surpresos com o resultado”, conta Cibele Verasto, responsável pela atividade em Facilities da JLL na Diageo. No total, cinco campanhas foram lançadas, a exemplo da Pense antes de imprimir.

Reconhecimento sustentável

Essa foi a primeira participação da Diageo América Latina no GreeniQ, resultando na conquista de várias medalhas nas três categorias do prêmio. Conheça os resultados:

São Paulo

Prata em Ways of Working

Bronze em Carbon

Bronze em Waste

Vinhedo

Bronze em Ways of Working

Rio de Janeiro

Bronze em Ways of Working

Ypióca

Messejana (Fortaleza)

Bronze em Waste

Bronze em Ways of Working

Guarulhos

Bronze em Ways of Working

Paraipaba

Bronze em Ways of Working

Uruguai

Bronze em Ways of Working

A economia de energia foi incentivada nas ações Eu também mereço descanso – as quais sugeriam que todos deixem os computadores desligados no final do expediente –; e a Hora do Escritório, alinhada à proposta da Hora do Planeta.

Dedicamos uma hora do expediente, na sexta-feira que antecedeu a Hora do Planeta, para deixar as luzes do escritório apagadas. Isso também serviu de estímulo para a participação de todos na campanha da WWF no dia seguinte”, diz Cibele.

Enquanto a iniciativa Diageo’s Paper Cup incentivou a troca dos copos acrílicos descartáveis pelos de papel, o Dia do Meio Ambiente comemorou a data com uma série de subações, correspondente a exposição de cartazes  de papel reciclado com curiosidades sobre sustentabilidade, o envio de e-mails com ideias sustentáveis, a entrega de papéis-semente aos funcionários, além da realização do Green Breakfast, que ofereceu um cardápio verde em um espaço decorado com tema floresta e origamis feitos com papéis descartados. O sucesso dessas atividades repercutiu de forma positiva entre os responsáveis pelo Green iQ, em Dublin, que concedeu à América Latina várias medalhas (ver quadro).

Wilson Martini, Facilities Manager da Diageo, afirma que o apoio da JLL foi importante para a conquista desse reconhecimento, que serve de estímulo para a continuidade das ações. “Ficamos muito satisfeitos com a atuação da JLL como parceira na conquista das premiações. Isso mostra que estamos no caminho certo em busca de um meio ambiente mais saudável”, acrescenta. Esse reconhecimento também tem gerado a troca de experiências com outras filiais mundiais da Diageo, que acreditam que as iniciativas da América Latina poderão registrar o mesmo sucesso entre seus profissionais.