Mercado de locação de empreendimentos logísticos e industriais cresce e Queimados desponta no Rio de Janeiro

Leitura de 3,5min

O mercado de locações de empreendimentos logísticos e industriais vem apresentando melhoras em 2018. Só no primeiro trimestre deste ano o volume de novas locações foi 42% superior ao do mesmo período de 2017.

De acordo com Maurício Nascimento, coordenador de Negócios Imobiliários Industriais da JLL, o Rio de Janeiro, atualmente o segundo maior mercado imobiliário industrial do país, é um dos principais estados responsáveis por essa retomada.

Dentre os locais no estado fluminense que chamam a atenção neste momento de melhora do setor está o município de Queimados, que vem despontando como centro logístico e industrial com a ocupação de relevantes empresas, inclusive de segmentos como o de distribuição de medicamentos e guarda de documentos. Para se ter uma ideia, do total de 2,3 milhões de m² de estoque do Rio de Janeiro, 108 m² estão naquela região.

Segundo Nascimento, há três grandes benefícios para uma empresa se estabelecer no município de Queimados:

  • Valor médio de locação baixo;
  • Localização estratégica;
  • Galpões eficientes e de alto padrão construtivo.

Valor médio de locação de empreendimentos logísticos e industriais

O valor médio de locação de empreendimentos logísticos e industriais, como condomínios logísticos, atualmente está em R$ 16 m² em Queimados, enquanto regiões como Jacarepaguá e Duque de Caxias têm valor médio de R$ 35 m² e R$ 22 m², respectivamente.

Localização estratégica facilita a logística

Queimados fica na região Metropolitana do Rio de Janeiro, a segunda maior do Brasil e a terceira da América do Sul, e oferece fácil acesso à capital fluminense e aos principais mercados do país.

Além disso, o município é cortado pela Rodovia Presidente Dutra, que liga a capital fluminense a importantes centros industriais e urbanos, como o Vale do Paraíba e a cidade de São Paulo. “Estar em um condomínio logístico em Queimados tem se tornando uma decisão estratégica para as empresas. Muitas indústrias que já se estabeleceram na região recebem grandes caminhões de outros estados, como São Paulo, por exemplo, e distribuem a mercadoria para o Rio de Janeiro em carros menores”, explica Maurício, reforçando que essa é uma forma de melhorar a logística de distribuição, tornando-a mais ágil, e também de diminuir o risco de assalto aos caminhões.

Atualmente, Queimados abriga importantes nomes da indústria brasileira, de diversos segmentos, como alimentos, indústria naval, metalúrgica, siderúrgica e bens de consumo.

Galpões eficientes e de alto padrão construtivo – Prologis Queimados

Um exemplo de empreendimento logístico em Queimados é o condomínio “Prologis Queimados”. Ele está localizado a apenas seis quilômetros do Arco Metropolitano, que liga cinco eixos rodoviários ao Porto de Itaguaí e interliga os municípios da Baixada Fluminense à capital do estado. Além da localização privilegiada, o condomínio conta com alguns diferenciais, como:

  • Modulação flexível com áreas a partir de 4 mil m².
  • Área de apoio com auditório e restaurante para os ocupantes.
  • Acesso direto à Rodovia Presidente Dutra nos sentidos Rio de Janeiro ou São Paulo.

O condomínio logístico possui 35 mil m² construídos e boa parte já está ocupada por importantes empresas. O empreendimento, atualmente, conta com 17 mil m² de área disponível para locação.

Faça um tour 360º ao Prologis Queimados.