Leitura de 5min

Mudança de postura frente às questões relacionadas à sustentabilidade tem exigido das empresas responsáveis pela gestão operacional dos condomínios um domínio maior do assunto, aliado a uma busca de inovações sustentáveis para o dia a dia operacional dos prédios.

A constante preocupação com o impacto ambiental tem levado grandes empresas a incorporarem a sustentabilidade em seus processos de gestão, desempenho e planejamento de investimentos. Trazendo essa realidade ao mercado imobiliário brasileiro, vemos que é crescente o número de empreendimentos que buscam selos de certificações “verdes”.

Essa mudança de postura frente às questões relacionadas à sustentabilidade tem exigido das empresas responsáveis pela gestão operacional dos condomínios um domínio maior do assunto, aliado a uma busca de inovações sustentáveis para o dia a dia operacional dos prédios.

Uma delas, por sinal, encaixa-se a um problema cotidiano: o uso de produtos bactericidas na limpeza dos sanitários que, devido a sua composição química, são contaminadores potenciais de água. Uma solução simples, acessível, econômica, mas ainda pouco conhecida, é o aparelho ozonizador.

Testes em laboratório – realizados para avaliar a autenticidade dessa tecnologia e, principalmente, verificar se não há riscos para a saúde dos usuários de prédios – revelaram uma redução microbiana de 93% em comparação à ação do produto bactericida.  Comprovado o excelente resultado no teste de veracidade, o ozonizador pode ser utilizado em todas as áreas dos sanitários e não somente nas que apresentam um grande acúmulo de bactérias.”

Ciente da eficácia dessa solução, a JLL está capacitada a auxiliar seus clientes a implantar essa alternativa sustentável em seus condomínios, que, além de gerar uma redução significativa na ação de agentes poluentes, resulta em economia com a diminuição do uso de produtos de limpeza.

Conheça outras soluções sustentáveis realizadas nos prédios gerenciados pela JLL.

Artigo escrito por Fernanda Gonçalves – Analista de Planejamento da JLL